Histórico do PPGECT

  1. HISTÓRICO DO PROGRAMA

 1.1 Criação

A criação do Programa de Pós-Graduação em Educação Científica e Tecnológica (PPGECT) é iniciada a partir de um grupo de professores credenciados à linha de investigação “Educação e Ciência” do Programa de Pós-Graduação em Educação (PPGE) da UFSC, tendo a frente os professores Arden Zylbersztajn, do Centro de Ciências Físicas e Matemática, José André P. Angotti, do Centro de Ciências da Educação, e professora Nadir Ferrari, do Centro de Ciências Biológicas. 

Em 1994, a linha Educação e Ciência do PPGE foi a primeira a contar com um curso de doutorado dado o apoio do Subprograma Educação para a Ciência (SPEC/PADCT) fomentado pela Coordenação e Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), do Ministério da Educação (MEC) e do Banco Mundial (BIRD). Melhorar e consolidar a competência pedagógica e técnico-nacional no âmbito de universidades e outras instituições, através de grupos considerados importantes na formação e implementação de políticas de incentivos à melhoria da qualidade dos ensinos fundamental e médio do país eram os objetivos fomentados por este subprograma.

O recebimento deste apoio foi fundamental para a maturação das ideias e ensaio e aprimoramento das práticas que viriam a nortear o novo programa. O PPGECT foi criado formalmente, em dezembro de 2001, quando aprovado junto à CAPES. Institui-se, assim, o PPGECT, com uma estrutura inter-centros, envolvendo o Centro de Ciências Físicas e Matemáticas (CFM) e Centro de Ciências da Educação (CED), obtendo conceito inicial 4 na CAPES, com os cursos de Mestrado e Doutorado, admitindo seus primeiros estudantes em 2002. 

Os docentes fundadores do programa foram Arden Zylbersztajn e José André Peres Angotti (primeiros coordenadores); Luiz Orlando de Quadro Peduzzi; Demétrio Delizoicov Neto; José de Pinho Alves Filho; Erika Zimmermann; Edel Ern; Walter Antonio Bazzo; Edmundo Carlos de Moraes; Frederico Firmo de Souza Cruz e Nadir Ferrari. Alguns destes professores foram egressos do próprio PPGE.

A estrutura administrativa do PPGECT viria a ser alterada em 2004 com a incorporação do Centro de Ciências Biológicas (CCB), que já vinha colaborando, com a participação de docentes, desde a fundação do programa.

Desde então os coordenadores, escolhidos pelos pares, se alternam em gestões bianuais.

A partir de junho de 2011, por meio de uma Portaria CAPES 83/2011, criou-se a área de Ensino (Área 46)  incorporando todos os PPG da antiga área de Ensino de Ciências e Matemática. 

Alinhado à Área de Ensino da CAPES (46), o curso foi, então, avaliado com nota 5 e, a partir de 2015 passa a ser considerado um Programa de Excelência Acadêmica, no âmbito do PROEX, com nota 6.